Aumento de furtos no Canela preocupa comércio local e moradores

Três estabelecimentos no bairro Canela foram vítimas de furtos de fios elétricos em menos de uma semana.

O bairro do Canela, dentre tantos outros localizados nesta região, como Campo Grande, Graça e Barra, estão sendo vítimas de invasões e furtos constantes em casas, condomínios, lojas e clinicas. Já não tem horário nem local para acontecer um crime, o que vem causando pânico na comunidade. Relatos de moradores e boletins de ocorrências são feitos quase que diariamente, e o volume de assaltos e invasões estão crescendo assustadoramente.

O caso mais recente aconteceu com a gráfica XColorum que, por duas vezes em menos de uma semana, furtaram toda a fiação elétrica da empresa deixando um prejuízo grande para a proprietária. “Desde domingo, estamos sem energia e sem conseguir atender os clientes porque há uma semana tivemos um prejuízo de mais de 2 mil reais”, relata a empresária.

Além dela, muitos outros comerciantes estão sofrendo com a violência no bairro do Canela, como a loja SOS Materiais Hospitalares e Michael’s Copiadora que também sofreram com furto de sua fiação. A Associação AMOCanela tem feito reuniões constantes com a Polícia Militar, mas as rondas promovidas pelo 18º Batalhão não têm sido suficientes para conter o aumento das ocorrências e, por isso, alguns condomínios já estão optando em contratar empresa de segurança privada.

Por conta do aumento do número de casos, a AMOCanela já solicitou ao Comando Geral da PM a instalação de base móvel da PM no bairro, mas em resposta o Comando negou a solicitação afirmando que:

que não há possibilidade (momentaneamente) de instalação permanente de uma Base Comunitária de Segurança Móvel no aludido bairro, tendo em vista o déficit numérico de policiais militares para emprego, mas ressalto que a demanda encontra-se registrada no planejamento do Departamento de Apoio Logístico desta Corporação, para ser atendida tão logo exista a disponibilidade de novas viaturas.

Ofício n.o 243/2022 – PMBA/CG/Sec

A AMOCanela tem acompanhado os casos e orientado como pode os comércios associados vítimas das últimas ocorrências e também se colocou à disposição da imprensa para prestar esclarecimentos.

É preciso que todos que tenham a infelicidade de serem vítimas da violência cada vez mais constante em nosso bairro registrem o Boletim de Ocorrência e nos enviem através do e-mail falecomamocanela@gmail.com para que possamos ter respaldo junto à PM e SSP para continuarmos cobrando um reforço no policiamento do bairro Canela, diz o Presidente da AMOCanela, Pedro Araújo.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s